Como Iniciar a Preparação para Concursos de Forma Eficiente

Tomou a decisão de estudar para concursos públicos? Parabéns, essa escolha certamente mudará a sua vida! O próximo passo é aprender a estudar de forma eficiente, de modo a otimizar seu tempo e seu desempenho. Afinal, o objetivo é passar o mais rápido possível pela fase de concurseiro(a), para mais cedo chegar à de concursado(a)!

Vamos entender quais são os primeiros passos rumo à aprovação?

1. APENAS COMECE!

Parece óbvio, mas não é! Entre tomar a decisão de estudar para concursos e efetivamente iniciar os estudos, há um abismo imenso. De nada adianta você sonhar com o cargo público, fazer a inscrição no concurso, investir em bons materiais e, depois de tudo isso, não conseguir fazer o básico, que é sentar e estudar.

No começo, tudo será mesmo difícil. É como ir à academia, fazer regime, acordar cedo ou se acostumar com uma situação nova. Nos primeiros dias a gente tem a sensação de que nunca irá conseguir, mas na medida em que vamos executando, tudo vai fazendo sentido.

Perceba que estudar é um hábito que se adquire fazendo! Como eu aprendo a estudar? Estudando! Por isso a importância de sair da inércia e dar os primeiros passos, nem que estes pareçam um pouco tortos de início.

Acredito que a dica fundamental nessa etapa é: você não precisa ter as condições ideais para inciar! Talvez essas condições nem existam. O que você precisa fazer desde logo é apenas separar um horário do dia para se dedicar exclusivamente à sua aprovação e colocar a mão na massa! E aí vem o segundo passo...

2. DEFINA SEU HORÁRIO DE ESTUDOS

Entenda: estudar é um hábito e, como tal, precisa ser exercitado com regularidade. Pra começar, defina qual será esse horário que você terá para estudar. Sugiro que seja a primeira coisa que você faça no dia, para evitar a procrastinação (que é muito comum nos dias de cansaço! Acredite, esses dias virão, mais do que você gostaria). O ideal é que você consiga levantar cedo e estudar antes de ir trabalhar, para que não precise fazer isso à noite.

Você já experimentou levantar às 5h da manhã? Parece loucura pra quem nunca tentou (pra mim parecia impossível!), mas acredite: vai doer só na primeira semana, depois você vai se acostumar! Faça as contas e veja os benefícios dessa decisão: você terá pelo menos duas horas de estudo eficaz, em silêncio, sem ninguém pra te distrair!

Se você tem horários flexíveis no trabalho, ou se você tem o dia livre só para estudar, tanto melhor! Talvez não precise levantar tão cedo. De qualquer forma, é recomendável estudar pela manhã. Isso porque as prioridades devem vir primeiro! Para passar em concursos, é fundamental que esse projeto seja o TOP ONE dentre as suas.

Não recomendo que você estude à noite. É melhor deixá-la livre para ficar com a família, ler um livro, ver um filme, ir à academia, ou ficar sem fazer nada! Não entre nessa de estudar o tempo inteiro se você está iniciando agora. Entenda que concurso público é maratona, e não corrida de 100 metros. Você precisará ter pique até o final, portanto vá com calma.

Em resumo: ACORDE CEDO! ESTUDE PRIMEIRO!

3. ORGANIZE SEU AMBIENTE

Tendo estabelecido o horário de seu compromisso diário, é importante também que você prepare um ambiente adequado para os estudos. Esse locus será seu cantinho sagrado, a partir de agora. Afinal, sabemos que o ambiente físico exerce grande influência nos processos cognitivos e precisamos otimizar nosso aprendizado! Vejamos quais seriam as características básicas desse cantinho:

  • Fatores como iluminação e ventilação influenciarão no conforto do ambiente. Aqui também entra a necessidade de se ter mesa e cadeira adequadas (lembre-se: não precisa ser a cadeira ideal! Ela precisa apenas instrumentalizar o seu esforço);
  • O lugar escolhido precisa ser tranquilo, sem muito barulho, reservado: se você for estudar no escritório ou outro cômodo da sua casa, certifique-se de que esse lugar será usado só por você durante suas horas de estudo. Escolha um local em que você possa ficar à vontade para espalhar seu material. Se for estudar em uma biblioteca pública ou em uma sala de estudos, verifique se as plaquinhas de “silêncio” são respeitadas e se não há muito trânsito de pessoas ou outros fatores que possam atrapalhar sua concentração;
  • Seu ambiente precisa estar organizado. Cada um sabe o nível de organização de que precisa, mas acredite: é mais difícil estudar no meio do caos! Tire da sua frente tudo que não tem relação com os estudos, mantenha sua mesa limpa e procure deixar cada coisa em seu devido lugar. Parece bobagem, mas um ambiente desorganizado nos faz perder tempo e motivação, já que tudo fica muito disfuncional. Não subestime o poder da ordem! Se você tiver que perder um tempão em processos, não sobrará muito tempo para absorver o conteúdo do edital; e
  • Por fim, você precisa se certificar de que não haverá interrupções. Perceba que elas podem ser causadas por outras pessoas (por exemplo: seus filhos entrando o tempo todo no seu ambiente de estudos, ou sua mãe que não para de te chamar) ou quando você mesmo(a) se sabota, deixando o celular do seu lado e entrando nas redes sociais a cada 5 minutos. Você estará ocupadíssimo(a) estudando e não deve se distrair! Aproveite para fazer um detox digital, afinal, nas pausas entre uma matéria e outra, você terá tempo para conferir sua timeline!

E aí? Tá animado(a)? Espero que essas dicas ajudem você a dar os primeiros passos rumo à tão sonhada aprovação! E não se esqueça: só não passa quem desiste! Pode acreditar!

DESEJO A VOCÊ A MELHOR SORTE!

Com carinho,

Veja também

Deixe seu comentário